sábado, outubro 31, 2009



nada mais sou...
que o reflexo das minhas atitudes,
o fogo das minhas paixões,
o suspiro dos meus amores,
a esperança dos meus desejos,
a determinação das minhas buscas,
a espera das minhas angústias,
as lágrimas dos meus sofrimentos,
a construção dos meus sonhos,
o carinho da minha família,
a vitória das minhas conquistas,
o orgulho de ter chegado onde cheguei
e a satisfação de ser quem eu sou ;)

7 comentários:

Liene disse...

Cris,

E tudo isso basta. São riquezas imensuráveis que não se encontram à venda.
Aqui encontrei palavras que muito acredito...

Um abraço carinhoso!

O Sibarita disse...

É isso ai dona moça, somos o que plantamos pela nossa caminhada, né não?

E você plantou coisas boas é só olhar os frutos, valha-me Deus! kkk

Essa Moça vai longe, coração e bondade é com ela mesmo!

Fia, muito do porreta seu texto, faça fé!

Bjs
O Sibarita

'Ariane .( lla Belle )' disse...

NOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOSSSA, QUE LINDO!

Adorei muito


você arrasa!

renata disse...

e nada mais importa...

beijoca!

Daniel disse...

É importante gostarmos de sermos quem somos, mas olha que bom, se não gostamos da gente podemos mudar. Quantas opções a vida nos dá, né?

Muito bonito.
Beijos

Pablita disse...

Ola Cris.

Então, eu te dou certeza que não é do Caio aquele trecho pq é de um texto do meu blog, que eu mesma escrevi.
Vi que tinha num blog de um cara, como se fosse do Caio. dai saí procurando no google e encontrei em vááários outros blogs.

Sabe que de primeiro eu achei graça, e um super elogio pra mim, mas depois fiquei embasbacada.
Agora to levando numa boa de novo, só avisando as pessoas.Não leva a mal, viu?


Gostei daqui tbm!
Abraço
Pablita

Pablita disse...

Cris.

Pois é, agora eu acho graça dessa história, mas quando falo pras pessoas, elas dizem ''tu não pooode deixar assim'. hehehehe.
Agradecida pela correção e mais ainda pelo elogio.
Também escreves muito bem.

Vou te seguir.

Volte sempre.