quarta-feira, outubro 14, 2009


Estava lendo uma reportagem em uma revista e a matéria me chamou a atenção.
Perguntava qual sabor lembrava minha infância.

Realmente alguns alimentos nos trazem recordações felizes de momentos especiais...
Banana amassada com farinha láctea, bolinhos de chuva, arroz, feijão, bife e batata-frita... Só de escutar esses nomes nossa imaginação dá voltas ao lembrar dos gostinhos da infância...

Tenho alguns sabores que me fazem reviver a infância. Os que mais mexe comigo é de um doce quadradinho de chocolate que minha tia sempre fazia para mim. Era louca por ele... e ficava na maior felicidade quando ela chegava com um pote cheinho deles...

Agora, estamos no mundo do fast food, das comidas instântaneas, da correria e nem sempre percebemos quanto o que ingerimos está ligado às nossas emoções. Um pedaço de bolo de laranja, por exemplo, pode remeter a um universo de magia infantil, de contato com parentes queridos que nos traziam uma sensação de harmonia e pertencimento.

Os sabores de infância podem ser despertados a qualquer tempo, acredito que vivemos sempre atrás deles. Pratos que despertam as lembranças da alma alimentam o coração. O resultado é felicidade!

E então: que tipo de alimento é capaz de levar você a um momento de satisfação e amor em seu passado?

Beijos!!!

11 comentários:

Jefferson freire disse...

Caramba, são tantos os sabores que me lembram de momentos felizes. Bolinho de chuva acredito que seja unanime. Os doces são geléia, amendoim, um doce chamado Zorro, e aquele chocolate em forma de guarda chuva.

Amora, manga, ameixa, cana, tangerina,são muitos sabores, não sei nem resumir. Melhor parar por aqui mesmo...

Bjos

Franklin Catan disse...

Realmente eu estava com saudades de comer uma coisa que eu sempre comi, bolacha mabel, com leite e chocolate...
Bom me fez voltar a ser criança, até pode ser que no primeiro intante achei meio nojento, pois quando somos crianças fazemos cada coisa com a imaginação, misturavamos tudo, fazendo com que as coisas se tornassem uma só...
Eita tempo bom, mas agora é só seguir para frente, os cabelos vão ficando branco, as responsabilidades vão almentando e o mundo vai mudando!!!
Parabéns pelo texto...
Um beijo até mais!

Futebol ao Cubo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Futebol ao Cubo disse...

Inesquecível a bolacha Fofy's, aquela em formato de ursinho, que vinha num pacotinho vermelho ou amarelo.

É incrível como nossa mente trabalha, havia uma bolacha da Parmalat que não me recordo o nome, mas a primeira vez que a comi foi assistindo a um jogo da Holanda, em 1998, e até hoje, sempre que vejo um jogo da Holanda, sinto vontade de comer a tal bolacha.

Ótimo post, parabéns!

Flor disse...

Fígado, sopa de farinha de milho, queijo, amora, goiaba, e mais outros poucos me lembram à mamãe e a melhor amiga.

Um beijo.

Jou Jou Balangandã disse...

Nossa, adorei ler esse post. Vieram muitas lembranças de uma infância cheia de sabores. O sabor mais forte é o do leite com toddy na caneca de metal. Quando ia ao sítio do meu avô, acordava cedinho, e ele tirava o leite da vaca direto na minha canequinha, que providencialmente já saia da cozinha com muito toddy no fundo. Como era bom!

MR disse...

Sabores e cheiros, estes ultimos sao guardados muito mais vivos e provocam reacao emocional instantanea.

O filho reconhece a mae pelo cheiro quando nasce.

Hosana Lemos disse...

huumm, qual sabor lembra minha infÂncia?
-vitamina de banana...
kkkkkkkkkkkkkkkk
é tanto que hoje não consigo nem sentir o cheiro de tanto que tomava!
kkkkkkkkkkk

Daniel disse...

Cris, nunca associei nada com comida, mas sim com cores, engraçado não?!

Vou parar pra pensar e depois respondo com calma, pois nunca tinha pensado nisso.

Normalmente eu penso em algo e logo me vem a cabeça uma cor.

Beijos

O Sibarita disse...

Dona menina! kkkkkkk Eu que nasci e me crei na maré (palafitas) de Salvador sem ter o que comer, vou me lembrar do que? kkkkkkkkkk

Só se for de pirão de café ou de àgua, sim, isso mesmo com banana (Comi tanta banana (Ei sou macaco não, viu? kkkk) que hoje em dia nem quero ver mais) com carne sertão, (ai para vcs deve ser carne seca)assada na brasa, isso, quando tinha.

Aiaiaiaiaai...

Bjs
O Sibarita

Marcelo Novaes disse...

Cris,



Olfato e paladar marcam mesmo...



Língua de gato (um chocolatinho) e fios de ovos na casa de minha bisavó (ela faleceu quando eu tinha 14 anos).





Beijos,








Marcelo.